Educação

Premiação escolhe melhor professor do mundo

Vencedor dá aula em uma escola no Quênia. O prêmio Global Teacher Prize – premiação conhecida como o Nobel da Educação – escolheu o melhor professor do mundo de 2019. O vencedor foi o professor queniano Peter Tabichi que dá aulas em uma escola no Vale do Rift, no Quênia. O prêmio reconhece professores te todo o mundo que realizam um trabalho diferenciado e oferecem ótimas contribuições à profissão. Continue lendo

Fim da TV Escola coloca em risco 10 milhões de surdos brasileiros

Funcionários da TV escola saindo do MEC

O Brasil nunca teve a cultura de TVs públicas. Além da Cultura, é difícil que os meios de comunicação estatais sejam vistos pela população de maneira massiva. Entretanto, isso não significa que as programações exibidas nesses meios não tenham valor: pelo contrário, existe muita coisa importante por trás da “audiência”. Continue lendo

Revista Ibero Americana de Educação – nova convocatória

Hasta el día 30 de junio de 2020 está abierta la convocatoria para el envío de colaboraciones con destino al monográfico volumen 84 (septiembre-diciembre de 2020) de la Revista Iberoamericana de Educación, que tendrá como título: Nuevos datos, nuevos retos: Iberoamérica en las últimas evaluaciones educativas. Leer más Continue lendo

#EscolaSemSentido

Brasil não estará mais em reuniões do Mercosul sobre Educação

Ministro da Educação Abraham Weintraub. FOTO: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Anúncio foi feito pelo ministro da Educação Abraham Weintraub. Ele justificou que estas reuniões são ‘pouco eficientes e caras’ e que, a partir de agora, o país vai investir em conversas bilaterais. ‘Numa conversa bilateral, a gente avança muito mais rapidamente’, argumenta. ‘Não estamos saindo do Mercosul, apenas saindo da parte educacional do bloco’. Continue lendo

Audiência pública discute inclusão da temática indígena na rede estadual de ensino

A secretária de Promoção da Igualdade Racial, Fabya Reis, destacou que a audiência pública ajuda a aprimorar o espaço de construção democrática.
Audiência pública discute inclusão da temática indígena na rede estadual de ensino

Fotos: Elói Corrêa/GOVBA

Acorda Cidade

O ensino da história e da cultura indígenas será reforçado no currículo do ensino público baiano. Para a concretização da iniciativa, o Conselho Estadual de Educação da Bahia (CEE/BA) realizou uma audiência pública na terça-feira (7), com o intuito de colher contribuições para o projeto de Resolução sobre o Ensino da História e da Cultura Indígena nos Currículos da Educação Básica, no Sistema Estadual de Ensino da Bahia. Continue lendo

IPOL Pesquisa

Receba o Boletim

Facebook

Revista Platô

Visite nossos blogs

Clique na imagem

Clique na imagem

Visitantes

Arquivo