IPOL em ação

XXII Encontro Nacional dos Difusores do Talian

La Comission Promotora del XXII INCONTRO NASSIONALDE DIFUSORIDEL TALIAN, ASSODITA – Associação dos Difusores do Talian, FEIBEMO – Federação das Entidades Ítalo Brasileiras do Meio Oeste Catarinense, FIBRA – Federação das Associações Ítalo-Brasileiras do Rio Grande do Sul e Prefeitura Municipal de Serafina Corrêa,la ga el onor de invitar Vostra Signoria par participar de questo importante incontro dela tradission, usi, costumi e ndovese vive la cultura talianadel Brasile. Nostro Incontro sucede nteigiorni 09, 10 e 11 de novembre de 2018 a Serafina Corrêa, RS – Brasil.

Continue lendo

Mostra de Filmes Línguas & Identidades

O Brasil é um país multilíngue!

A mostra reúne filmes (o audiovisual em ficção, documentário, vídeo-arte) que abordam a questão linguística pelos recortes da cultura e da identidade dos povos para fomentar debates com a plateia, complementar ou estimular a reflexão sobre cenários sociais e promover a discussão da alteridade, diversidade e identidade na América Latina, em especial no âmbito dos países fronteiriços com Brasil.

LOCAL: Sala de Cinema do CIC
08/11: das 14h às 17:30h
09/11: das 14h às 19:30h

EVENTO GRATUITO

A necessidade de reunir filmes documentários, ficção e de arte que abordam diretamente ou tangencialmente a questão das línguas e ou das culturas que existem e sobrevivem dentro do território brasileiro, representa mais um passo para a visibilidade necessária da diversidade linguística brasileira, contribuindo assim para a difusão, discussão e reconhecimento da ideia de que sendo plurais, somos mais diversos e isto é uma riqueza inestimável. Continue lendo

II Seminário de Associações e Mestres da Cultura Taliana – SMISSIATE

O IPOL terá a honra de estar presente na mesa das 14h, abordando o tema da  Coficialização de Línguas pelo Município: Processo jurídico e cultural. A nossa equipe presente é composta por Rosângela Morello, coordenadora geral do IPOL e Gilvan Müller de Oliveira coordenador da cátedra Unesco políticas linguísticas para o multilinguismo – UFSC.

Abaixo, confira a programação completa do evento, bem como, os procedimentos para se inscrever e participar.

Data: 03/novembro/2018 – sábado

Local: Clube Cruzeiro

Endereço: Av. Tancredo Neves s/n° – Centro (em frente a Igreja Matriz)
Itá – SC

Inscrição até 26/10/2018 no site da FEIBEMO www.feibemo.com.br

Continue lendo

II Seminário de Associações e Mestres da Cultura Taliana – SMISSIATE

II Seminário de Associações e Mestres da Cultura Taliana – SMISSIATE

O IPOL terá a honra de estar presente na mesa das 14h, abordando o tema da  Coficialização de Línguas pelo Município: Processo jurídico e cultural. A nossa equipe presente é composta por Rosângela Morello, coordenadora geral do IPOL e Gilvan Müller de Oliveira coordenador da cátedra Unesco políticas linguísticas para o multilinguismo – UFSC.

Abaixo, confira a programação completa do evento, bem como, os procedimentos para se inscrever e participar.

Data: 03/novembro/2018 – sábado

Local: Clube Cruzeiro

Endereço: Av. Tancredo Neves s/n° – Centro (em frente a Igreja Matriz)
Itá – SC

Inscrição até 26/10/2018 no site da FEIBEMO www.feibemo.com.br

Continue lendo

Carta do I Encontro Regional do Inventário do Hunsrückisch e II Encontro de Falantes do Hunsrückisch

Carta do I Encontro Regional do Inventário do Hunsrückisch e II Encontro de Falantes do Hunsrückisch

 

O Brasil, país bilíngue desde 2005 (português/Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS), é muito rico em diversidade linguística. Apesar de uma história orientada para o monolinguismo que oficializou e aparelhou somente a língua portuguesa como língua de ensino e oficial, o censo demográfico realizado em 2010 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta a existência de cerca de 274 línguas indígenas no país, inclusive línguas indígenas de sinais, como a dos Ka´apor. Pesquisas indicam, ainda, aproximadamente 56 línguas faladas por descendentes de imigrantes, há pelo menos três gerações, em vários municípios brasileiros, como é o caso do talian, pomerano, hunsrückisch, polonês, russo, entre outras. Igualmente há as línguas afro-brasileiras e as que se intercalam, como é o caso dos crioulos Galibi Marworno, Karipuna do Norte e Palikur, falados na região do Oipoque, na fronteira do Brasil com a Guiana Francesa, e do Portunhol, na fronteira com países hispano falantes.

Continue lendo

I Encontro Regional do Inventário do Hunsrückisch e II Encontro de Falantes do Hunsrückisch

Nos dias 24 e 25 de agosto de 2018, aconteceram em Florianópolis  o I Encontro Regional do Inventário do Hunsrückisch e o II Encontro de Falantes do Hunsrückisch em que foram apresentados e discutidos aspectos da execução e alguns resultados do Inventário do Hunsrückisch como Língua Brasileira de Imigração (IHLBrI). Este trabalho vem sendo realizado desde 2016 em vários Municípios de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Espírito Santo, impulsionado por uma parceria formal entre o IPOL Instituto de Investigação e Desenvolvimento em Política Linguística e o Projeto ALMA, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) com apoio do IPHAN.  Orientado para ações de sensibilização, documentação e promoção da língua, o IHLBrI contou com a participação de pesquisadores, colaboradores, gestores, lideranças comunitárias e falantes  em todo o processo, muitos dos quais estiveram participando do evento. Foram dois dias de rico diálogo, oficina sobre escrita,  lançamento do livro de Poesias e Contos em Hunsrückisch e do documentário Receitas da Memória. Além disso, os participantes compuseram uma Carta visando a contribuir para a promoção dessa língua e de todas as línguas brasileira. Continue lendo

IPOL Pesquisa

Receba o Boletim

Facebook

Revista Platô

Visite nossos blogs

Clique na imagem

Clique na imagem

Visitantes

Arquivo