plurilinguismo

Seminários em Estudos Linguísticos II: formação linguística e promoção do plurilinguismo

Pós em Letras oferta disciplina remota sobre formação linguística e plurilinguismo

Com o objetivo de promover um espaço de debates sobre o plurilinguismo no ensino-aprendizagem de línguas, estão abertas as matrículas para a disciplina Seminários em Estudos Linguísticos II: formação linguística e promoção do plurilinguismo, do Programa de Pós-Graduação em Letras (PPG-Letras) da Universidade Federal do Paraná. Os encontros serão online, sempre às terças-feiras. A aula de abertura será no dia 01 de setembro, com a professora Maria Helena Araújo e Sá, da Universidade de Aveiro, Portugal.

O público-alvo são os alunos do PPG- Letras da UFPR. As vagas são limitadas, mas alunos dos cursos de graduação em Letras da UFPR podem assistir como ouvintes, através do canal no Youtube e receberão certificado de participação se atingirem o mínimo de 75% de presença.

Na disciplina, os participantes poderão discutir a formação linguística e a formação pluricultural e pluricêntrica de professores no ensino de línguas. A ementa da disciplina e informações sobre matrícula podem ser acessadas aqui. Os seminários contarão com interações de professores-pesquisadores que contribuem com o Grupo de Pesquisa em Intercompreensão, Didática do Plurilinguismo e Políticas de Língua (FLORES/UFPR/UnB/CNPq), liderado pelo professor Francisco Calvo del Olmo, do Departamento de Letras Estrangeiras Modernas da UFPR.

Entre os ministrantes, estão Sílvia Melo Pfeifer, da Universidade de Hamburgo, Alemanha; Sandra Garbarino, da Universidade Lyon 2, França; Christian Degache, da Universidade Grenoble Alpes, França; e Mariana Fonseca, da Universidade de Genebra, Suíça. Todos os professores convidados falam Português, mas respeitando a própria proposta da disciplina, as aulas poderão ser em Francês, Espanhol, Português e Italiano.

A disciplina Seminários em Estudos Linguísticos II é ofertada pelo professor Francisco Calvo del Olmo e mediada pela professora Angela Erazo Muñoz , da Univerdidade Federal da Paraíba e pelo doutorando Sweder Souza, da UFPR.

 

Convite para as comemorações da Semana das Etnias edição 2019 em Caixias do Sul, RS

Dentro das comemorações da Semana das Etnias edição 2019, lhe fazemos um convite para um tema especial:

Plurilinguismo: valores e perspectivas.

Será em Caxias do Sul, no Ponto de Cultura Casa das Etnias ( Av. Independência 2542, Bairro Panazzolo, Junto ao Centro de Cultura Ordovás, atrás do FORUM). Continue lendo

Diversidade e variação linguística em Mato Grosso

Autor(es): Neusa Inês Philippsen e José Leonildo Lima (Org.)

A obra Diversidade e Variação Linguística em Mato Grosso é fruto do trabalho de diferentes pesquisas desenvolvidas no projeto que leva este mesmo nome. Cabe ressaltar que o projeto objetiva refletir sobre a língua portuguesa e línguas minoritárias faladas em Mato Grosso e sintetizar resultados de pesquisa geo-sociolinguísticas em áreas geográficas mato-grossenses distintas, assim como em temáticas também distintas. Os artigos que compõem o livro são de cunho científico-analítico e apresentam resultados analisados à luz das teorias supracitadas, além de dialogarem, também, com a Linguística Aplicada. A obra apresenta onze artigos produzidos pelos pesquisadores integrantes do projeto. Continue lendo

Colóquio sobre plurilinguismo na Universidade do Luxemburgo

Evento aborda o ensino de Português no estrangeiro, realiza-se na próxima terça-feira e vai contar com a presença de Carlos Pereira Marques, embaixador de Portugal.

No próximo dia 24, no campus da Universidade do Luxemburgo, em Belval (Esch-sur-Alzette), vai realizar-se o colóquio subordinado ao tema “O Plurilinguismo e os Cursos Complementares de Português” , contando, na abertura oficial, a partir das 14h30, aberta ao público, com presenças como as do embaixador de Portugal, Carlos Pereira Marques, e de Pierre Reding, primeiro conselheiro do Governo luxemburguês.

Haverá também a conferência “Un enfant d’origine portugaise et son potentiel en tant que plurilingue émergent”, proferida pelo Professor Michael Byram, antigo conselheiro da Divisão de Políticas Linguísticas do Conselho da Europa e professor convidado na Universidade do Luxemburgo.

O evento resulta de uma parceria entre a coordenação de ensino português no estrangeiro e o Ministério da Educação nacional, da Infância e da Juventude e, durante o dia, haverá reuniões entre os vários responsáveis por esta “nova modalidade de ensino de Português no Luxemburgo”, promovendo-se reflexões acerca da sua aplicação e de soluções “para as eventuais dificuldades encontradas ao longo deste primeiro ano”.

Fonte: Wort

Festival de Francofonia ocorre este mês

Mostra de cinema e shows culturais compõem a programação do evento
O Festival da Francofonia em Brasília chega à sua 21ª edição este ano e iniciou com uma extensa programação cultural. Entre as atrações está o cantor francês Mathieu Boogaerts, que fez show gratuito no CCBB Brasília.

Para este ano, o grande diferencial do festival promete ser a programação musical, com ícones da França e da Bélgica. Outra novidade é exibição de filmes inéditos no Brasil, na tradicional mostra de cinema francófona.

“Fazer um evento deste em Brasília é uma forma de defender a diversidade e plurilinguismo”afirma Mathieu Bernard, um dos organizadores do evento.

Convocatoria aprobada por la Asamblea General en el XVIII Congreso Internacional de ALFAL

CONVOCATÓRIA

Por uma ciência e uma educação superior pública, gratuita, crítica, científica, humanista e intercultural, baseadas em modelos plurilíngues de investigação e docência

Na academia latino-americana aumenta a preocupação com determinados processos de reestruturação das Ciências e da Educação Superior que incluem os seguintes fenômenos:

1. a crescente expansão do inglês e o deslocamento de outras línguas, como o espanhol e o português, de áreas estratégicas do campo das Ciências e da Educação Superior, e

2. a imposição progressiva de sistemas de avaliação, hierarquização e exclusão pertencentes a um modelo empresarial de gestão universitária, alheios ao funcionamento das Ciências e da Educação Superior como universidades – públicas ou privadas – orientadas para a investigação e educação crítica, científica, humanista e sem fins lucrativos.

Continue lendo

IPOL Pesquisa

Receba o Boletim

Facebook

Revista Platô

Visite nossos blogs

Clique na imagem

Clique na imagem

Visitantes

Arquivo