Integração Regional

Entrevista com Fabricio Müller, no III CIPLOM/EAPLOM

fabricio1

Fabrício Müller no III CIPLOM/EAPLOM/Arquivo Pessoal

A entrevista de hoje apresenta Fabricio Müller, atual Diretor Executivo da Casa do Brasil, na Argentina. A Casa do Brasil é uma instituição que atua há 25 anos na difusão da língua portuguesa e cultura brasileira em Buenos Aires e que esteve presente nas duas últimas edições do Evento, manifestando interesse e apoio às políticas linguísticas que visam a integração e acordos para melhor gestão das línguas do MERCOSUL.

Fabricio Müller discutiu a importância do III CIPLOM/EAPLOM no contexto histórico e político na América do Sul.  Confira a entrevista na íntegra.

Nas semanas anteriores, compartilhamos as entrevistas da Prof. Nélida Sosa e do Prof. Gilvan Müller de Oliveira. Acesse clicando no banner do evento, à direita no blogue.

Fonte: IPOL Comunicação

 

Entrevista Nélida Sosa, no III CIPLOM/EAPLOM

ciplon

Compartilhamos hoje mais uma entrevista realizada durante o III CIPLOM/EAPLOM, realizado na Universidade Federal de Santa Catarina.

A Professora Nélida Sosa atua no Instituto de Enseñanza Superior en Lenguas Vivas “Juan Ramón Fernández”, Argentina, instituição que forma professores de Português desde 1954. Ela faz parte da Associação Argentina de Professores de Português.

Segundo a Professora Nélida, “as línguas constroem identidade e constroem cidadania.” Assista à entrevista completa.

Fonte: IPOL Comunicação

Os 25 anos do MERCOSUL e a Política Externa Argentina

Mesmo entre marchas e contramarchas, o Mercosul é espaço essencial para a projeção de interesses e objetivos da política externa argentina

Por Matheus de Oliveira Pereira  

Existe pouca margem de dúvida para afirmar que o MERCOSUL é o projeto mais relevante de política externa no qual a Argentina se engajou nas últimas décadas. Essa qualidade está ligada à dupla dimensão que o bloco assumiu quando de sua feitura: tratava-se não apenas de criar um espaço de progressiva liberalização comercial, mas também de cimentar uma forma diferente de relacionamento entre Argentina e Brasil, os pilares do bloco, sob marcos cooperativos, após décadas de rivalidade.
blogue

O presidente Horácio Cartes aperta a mão do presidente argentino Mauricio Macri na abertura da 49ª Reunião da Cupula do Mercosul. Foto: Jorge Adorno/Reuters.

A maior prova da estatura que o MERCOSUL adquiriu para Argentina está na resiliência do bloco às mudanças políticas e crises econômicas que atravessaram o país. Episódios como a desvalorização do real em 1999 e os contenciosos comerciais com o Brasil demarcam dificuldades do avanço do processo, mas não se traduziram em tentativas concretas de eliminar o bloco; ao contrário, na sequência desses eventos o que se registra são tentativas de “relançamento”, “aprofundamento” ou buscar dar maior “sinceridade” ao bloco, para usar os termos correntes no país. Continue lendo

Políticas de gestão do multilinguismo e integração regional em entrevistas

ciplon

Nas próximas semanas, às quartas-feiras, compartilharemos uma série de entrevistas realizadas durante o Evento III CIPLOM/EAPLOM, que aconteceu em junho passado, na Universidade Federal de Santa Catarina/UFSC e tematizou variados aspectos da gestão das línguas do MERCOSUL.

Os entrevistados são professores, pesquisadores, visitantes e palestrantes que apresentaram as ideias debatidas durante o Evento, e fizeram uma breve contextualização sobre suas atividades em relação à promoção da integração e da valorização do multilinguismo global, especialmente no Mercosul.

Para abrir a série de entrevistas, temos a honra de contar com a participação do prof. Gilvan Müller de Oliveira, pesquisador que atua na área das políticas linguísticas e que presidiu a organização do evento.

Assista abaixo e acompanhe.

 Fonte: IPOL Comunicação

Abertura do III CIPLOM/EAPLOM na UFSC

aberturaciplom

Abertura Oficial do III CIPLOM/EAPLOM na UFSC

Na manhã de segunda-feira, dia 6 de junho, ocorreu, no Auditório Garapuvu do Centro de Eventos e Cultura da UFSC. a abertura oficial do III Congresso Internacional de Professores das Línguas Oficiais do MERCOSUL e o Encontro das Associações de Professores das Línguas Oficiais do MERCOSUL. 

Estavam presentes autoridades, membros da comissão organizadora e professores representantes de várias cidades e países, falantes das línguas oficiais do MERCOSUL, a saber o Português, Espanhol e Guarani.

A cerimônia, que contou com a presença do Prof. Dr. Álvaro Maglia, secretário executivo da Associação de Universidades do Grupo Montevidéu (AUGM) representa também o início das comemorações dos 25 anos da AUGM, assunto que foi tematizado pelo Prof. Maglia na sua conferência realizada na tarde do dia 6.

ciplom2

Prof. Gilvan Müller, presidindo a mesa de abertura ao lado do Prof. Felício Wessling Margotti, do Centro de Comunicação e Expressão da UFSC e Edilson Teixeira, da AUPELE, Uruguai

O Prof. Gilvan Müller, presidente da comissão organizadora, recebeu os convidados e participantes destacando o histórico e a importância do evento para projeção das línguas da América Latina, especialmente do MERCOSUL, no quadro de políticas da Integração regional e a importância dos professores de línguas na construção,  legitimação e fortalecimento das bases linguísticas e culturais do continente sul americano.

O III CIPLOM/EAPLOM discute a gestão do multilinguismo no MERCOSUL em quatro conferências, três mesas plenárias, três simpósios, 11 mini-cursos, 22 sessões de comunicações coordenadas e 420 comunicações livres, além de painéis e de uma intensa agenda cultural.

A programação segue até sexta-feira, dia 10 de junho, culminando com a aprovação do documento final do congresso pelo conjunto das associações de professores das línguas oficiais do MERCOSUL.

Confira abaixo a fala inicial do Prof. Gilvan abrindo o Evento:

Fonte: IPOL Comunicação

 

Cerimônia de abertura do III CIPLOM/EAPLOM, segunda-feira, dia 6, na UFSC

ciplon
Às 11 horas da manhã de segunda-feira, dia 06 de junho, inicia-se a cerimônia de abertura do III Congresso Internacional de Professores das Línguas Oficiais do MERCOSUL e o Encontro das Associações de Professores das Línguas Oficiais do MERCOSUL, no Auditório Garapuvu, do Centro de Eventos e Cultura da UFSC.

A cerimônia, que contará com a presença do Prof. Dr. Álvaro Maglia, secretário executivo da Associação de Universidades do Grupo Montevidéu (AUGM) representa também o início das comemorações dos 25 anos da AUGM, assunto que será tematizado pelo Prof. Maglia na sua conferência, a ser realizada das 14:30 às 16hs na Sala dos Conselhos da Reitoria da UFSC.

O III CIPLOM/EAPLOM tematiza a gestão do multilinguismo no MERCOSUL em quatro conferências, três mesas plenárias, três simpósios, 11 mini-cursos, 22 sessões de comunicações coordenadas e 420 comunicações livres, além de painéis e de uma intensa agenda cultural, programação que se estenderá até a sexta-feira, dia 10 de junho, culminando com a aprovação do documento final do congresso pelo conjunto das associações de professores das línguas oficiais do MERCOSUL.
Veja a programação completa no site do evento: iiiciplomeaplom.webnode.com

Fonte: IPOL Comunicação

IPOL Pesquisa

Receba o Boletim

Facebook

Revista Platô

Visite nossos blogs

Clique na imagem

Clique na imagem

Visitantes

Arquivo