Línguas de imigração

Hungria dificulta aprovação de comunicado da NATO sobre a Ucrânia

Putin encontrou-se com Orban esta semana LUSA/ZOLTAN MATHE

Delegação húngara vetou versões iniciais que não incluíam referência aos direitos linguísticos da minoria étnica húngara na Ucrânia. No mesmo dia, Putin esteve em Budapeste para se reunir com Orban.

Por insistência da Hungria, a declaração conjunta da NATO sobre a Ucrânia acabou por incluir uma referência à protecção dos direitos da minoria húngara que vive no país. Continue lendo

A Westfália bilíngue em seis mil verbetes

Em maio de 2013, um grupo de amigos de Westfália, formado por professores, representantes do Executivo e do Legislativo, setor agropecuário e funcionários públicos, se reunia com um objetivo: iniciar trabalho para resgatar o vocabulário westfaliano, dialeto utilizado no município e arredores, em uma região onde predomina a presença de descendentes de imigrantes alemães. Assim nasceu um dicionário reunindo cerca de seis mil verbetes, hoje transformado em língua westfaliana brasileira, com tradução para as línguas alemã e portuguesa. Continue lendo

Preservando o patrimônio histórico-cultural da região de Blumenau.

Resultado de dois anos de trabalho na extensão da Furb. Preservando o patrimônio histórico-cultural da região de Blumenau. Jornal Mitteilungen des Deutschen Schulverein für Santa Catharina.

Resgatar a história da cidade a partir da colonização alemã foi o principal objetivo de um projeto em parceria da FURB – Universidade Regional de Blumenau com o Arquivo Histórico Municipal que traduziu jornais publicados entre 1906 e 1917. Uma contribuição para futuras pesquisas e mais uma forma de cultivar a identidade germânica local.

#VivaFURB #ImigraçãoAlemã #Tradução #Pesquisa #Jornais
Assista o vídeo no link abaixo

A herança da imigração na fala do brasileiro

Estima-se que ainda estejam em uso no Brasil mais de 50 línguas de imigração, muitas delas trazidas por europeus a partir do início do século 19. Contato com português resultou em variações como talian e hunsriqueano.

Nascido no Rio Grande do Sul, o biólogo Piter Kehoma Boll entrou em contato com a língua portuguesa somente na idade escolar. Continue lendo

IV Encontro de Falantes do Hunsrückisch

No dia 22 de junho acontecerá na cidade de Ipira, Santa Catarina, o IV Encontro de Falantes do Hunsrückisch. Continue lendo

Espírito Santo terá inventário da Língua Pomerana

Inventário da Lingua Pomerana no Espírito SantoSão muitas as línguas faladas no Brasil e, apesar de pouco conhecida, a língua Pomerana, de família germânica, é uma delas. Em alguns municípios do Espirito Santo, por exemplo, comunicar-se nessa língua extrapola o ambiente familiar. O pomerano pode ser ouvido no trabalho, no comércio, nos postos de saúde, na igreja, em velórios, na lavoura, nas festas comunitárias e em diversas outras ocasiões. Ao contrário do que possa parecer, os falantes não são estrangeiros, mas sim crianças, jovens e adultos brasileiros, cujos ascendentes vieram para o Brasil em meados do século XIX, vindos da região próxima do mar báltico, onde atualmente é território da Polônia.  Continue lendo

IPOL Pesquisa

Receba o Boletim

Facebook

Revista Platô

Visite nossos blogs

Clique na imagem

Clique na imagem

Visitantes

Arquivo