Coronavírus: Florianópolis tem o maior crescimento de casos entre as capitais mais afetadas no Brasil

Proporcionalmente, Florianópolis é a quarta capital do Brasil com mais casos de Covid-19 a cada 100 mil habitantes

 

Coronavírus Florianopolis

Capital catarinense foi uma das primeiras no país a adotar medidas de isolamento social (Foto: Diorgenes Pandini / Diário Catarinense)

Florianópolis entrou nos últimos dias no radar do Ministério da Saúde como uma das capitais brasileiras com números mais preocupantes de pessoas com coronavírus. Com 114 casos registrados até terça-feira (8), segundo os números do governo do Estado, a capital catarinense é a 11ª cidade do Brasil com mais pacientes confirmados com Covid-19.

> Em site especial, saiba tudo sobre coronavírus

Além dos números totais de pessoas com coronavírus, a cidade registrou na última semana um dos maiores crescimentos percentuais do Brasil, conforme os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde. Com um salto de 30 casos no dia 28 de março para 91 no último sábado (4), Florianópolis viu as confirmações de Covid-19 subirem 203% em uma semana. O percentual é maior dos que as dez cidades brasileiras com mais registros até agora.

São Paulo, por exemplo, que tem o maior volume de pacientes infectados no país, viu o número crescer 185% no mesmo período, enquanto Porto Alegre e Curitiba tiveram crescimentos de 125% e 116%, respectivamente.

Outro índice utilizado para monitorar o avanço da pandemia no Brasil também deixou Florianópolis em foco. Em coletiva de imprensa em Brasília, o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson Kleber de Oliveira, apresentou pela primeira vez nesta terça-feira um painel com números de Covid-19 comparando as capitais brasileiras.

Com uma taxa de incidência de 18,8 casos a cada 100 mil habitantes, Florianópolis é a quarta capital da lista, atrás apenas de Fortaleza (34,7), São Paulo (30,6) e Manaus (21,7). Pelas contas do Ministério da Saúde, municípios com taxa acima de 16 casos a cada 100 mil habitantes estão em uma zona de alerta maior.

– Quando olhamos para as capitais, pegamos o número de caso e dividimos pela população. Observamos que 25% das capitais tem mais de 16 casos para cada 100 mil habitantes, e são as que têm uma maior atenção no momento. Obviamente essa incidência está relacionada ao número da população da região, e como são capitais acabam concentrando casos do interior, nem todos são de residentes da cidade – explicou Oliveira.

MS coronavirus

Painel do Ministério da Saúde com incidência de Covid-19 nas capitais (Foto: Ministério da Saúde)

Painel do Ministério da Saúde com incidência de Covid-19 nas capitais

(Foto: Ministério da Saúde)

Contraponto

Em nota enviada pela assessoria de comunicação, a prefeitura de Florianópolis apontou que foi uma das primeiras do Brasil a adotar medidas de isolamento social e que tem, também, testado mais pacientes de Covid-19, o que pode explicar o volume maior de casos confirmados.

“O número de casos na cidade, no estado e no Brasil são subestimados, já é de conhecimento de todos. Desta maneira, se há número muito subestimado, é impossível detectar cidades que estão com mais ou menos casos confirmados, apenas ter noção de tendências. Florianópolis, por exemplo, comprou testes por conta própria e tem feito mais que outras cidades, ou seja, tem conseguido detectar mais casos. Não dá para comparar com outra cidade que não possui teste, ou possui poucos, e, portanto, nem sequer consegue detectar todos os seus doentes”, diz a nota da prefeitura.

Sobre o aumento no número de casos, a prefeitura ressalva também que muitos exames de Covid-19 ficam represados no Laboratório Central de Saúde Pública de SC (Lacen) e são divulgados pelo Governo do Estado de uma só vez, o que explicaria o crescimento exponencial em algumas datas.

A prefeitura de Florianópolis aponta também que ao menos 43 casos confirmados vieram em cruzeiros e não são moradores da cidade.

Via: https://www.nsctotal.com.br/home

Deixe uma resposta

IPOL Pesquisa
Receba o Boletim
Facebook
Revista Platô

Visite nossos blogs
Clique na imagem
Clique na imagem
Visitantes
Arquivo