[Ao vivo] Conferência Internacional das Línguas Portuguesa e Espanhola (CILPE)

Cilpe  2019

Programa Ibero-americano de Difusão da Língua Portuguesa (PIDLP), aprovado pela primeira vez na história da Organização de Estados Ibero-americanos para a Educação a Ciência e a Cultura (OEI) como um dos eixos prioritários do Programa-Orçamento 2019-2020, contempla a realização da Conferência Internacional das Línguas Portuguesa e Espanhola (CILPE), com periodicidade regular e o compromisso de continuidade noutros países ibero-americanos.

Assista CILPE 2019

ao vivo

Esta primeira edição (CILPE2019) tem como objetivo geral abordar a situação das duas línguas e a sua maior promoção para contribuir a reforçar o bilinguismo na região e a internacionalização do português e do espanhol, em benefício das suas comunidades falantes que, em seu conjunto, envolve uma comunidade de 800 milhões de pessoas.

Acresce que a questão da língua tem particular expressão nos âmbitos da educação, da ciência e da cultura, áreas de missão da OEI, que tem o espanhol e o português como línguas oficiais, contribuindo esta reflexão para o desenvolvimento e a afirmação da identidade cultural na região.

Esta Conferência Internacional está alinhada com a Agenda 2030, enquanto plano de ação universal para a promoção de um desenvolvimento sustentável e com a importância e valor das línguas nas suas dimensões educativas, culturais e científicas.

Neste contexto, a CILPE2019, que se realizará em Lisboa nos dias 21 e 22 de novembro, irá refletir e debater os seguintes temas:

  • Espanhol e Português: duas línguas do futuro: geografias, demografias, diásporas, modalidades de uso das línguas, organizações internacionais, agências de cooperação internacional e sociedade civil, geopolítica das línguas.
  • Línguas e Economia: potencial de internacionalização das empresas, valor das línguas e seu contributo para as indústrias culturais e economia criativa.
  • Línguas e Desenvolvimento de Competências: ensino-aprendizagem das línguas, intercompreensão, formação de professores, modalidades de ensino, didáticas, projetos de ensino das duas línguas na região – escolas bilingues de fronteira, na perspetiva intercultural.
  • Políticas de Língua para a Internacionalização: mobilidade académica, intercâmbio entre sistemas educativos, ciência plurilingue, repositórios científicos, tecnologias da língua, tradução e interpretação, certificação internacional, reconhecimento de títulos.
  • Plurilinguismo, Pluricentrismo e Diálogos Interculturais: línguas em contacto, contextos de uso bilingues e interculturais, redes de ensino das línguas e redes de cultura, de educação superior, diplomacia cultural como espaços para a difusão das línguas.
  • Línguas e Sociedade Digital: tecnologias das línguas, processamento da linguagem natural, internet e redes sociais.
  • Línguas, Artes e Culturas: artistas, gestores culturais, tradutores debatem sobre o lugar das artes e o valor da dimensão multicultural e da diversidade linguística.

 

Esta Conferência contribuirá para estabelecer o Estado da Arte sobre os temas enunciados, a partir do mapeamento e de estatísticas que orientem o debate, bem como para elaborar um Plano de Ação de caráter interinstitucional tendo em conta as conclusões do evento. Pelos temas abordados, pelas geografias envolvidas e pelo diálogo que se estabelece entre culturas e a construção que representa, a CILPE2019 insere-se no Programa Comemorativo do V Centenário da Circum-Navegação.

Formato e Público

CILPE2019 pretende reunir académicos, cientistas, especialistas de várias áreas do conhecimento, responsáveis de governo, comunidades educativas, culturais e económicas, com o objetivo de traçar um Plano de Ação e estabelecer formas de monitorização que reforcem o bilinguismo na comunidade ibero-americana, contribuam para o empoderamento e a circulação internacional dos seus falantes e a projeção da região no seu conjunto.

Comissão Organizadora  

Nesta Conferência, além da OEI que a promove, a Comissão Organizadora integra os governos de países ibero-americanos, sendo Portugal país anfitrião, Brasil e Espanha países promotores, com a colaboração do Camões, Instituto da Cooperação e da Língua, Instituto Cervantes, Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), Secretaria Geral Ibero-americana (SEGIB), Instituto Internacional de Língua Portuguesa (IILP) e Fundação Calouste Gulbenkian. Este evento tem também o patrocínio de outras entidades públicas e privadas.

Fonte: CILPE 2019 | Lisboa . Portugal

Deixe uma resposta

IPOL Pesquisa
Receba o Boletim
Facebook
Revista Platô

Visite nossos blogs
Clique na imagem
Clique na imagem
Visitantes
Arquivo